quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Canção pra Jacke

Vou pedir pro vento me levar até ti,
e por sobre as nuvens eu vou cavalgar.
dizer em seu ouvido tudo que senti,
pois estando ao seu lado eu posso voar.

Quando o medo ou a dor invadir o seu ser,
e uma leve brisa então te tocar,
se prestar atenção irá perceber,
no afago do vento o meu abraçar.

Se um temporal em sua vida surgir,
e em meio a chuva não puder se abrigar.
Quando nessa hora quiseres sumir,
correrei para ti como um rio pro mar.

Enfim quando a vida lhe entristecer,
e por algum motivo quiseres chorar.
Então lá das nuvens eu irei descer,
usando minhas asas pra te consolar.

Um comentário:

Jaqueline disse...

Oi meu anjo!!
Amei minha poesia!
Obrigada, vc é muito especial para mim.
Bjokas da sua Nega Jake...

Minha foto
Sou o que sou. Sou incoerente por vezes, sou sonhador sempre, temo o desconhecido sem contudo deixar de arriscar, tenho planos e projetos, construí e e ví cair em minha frente castelos. Como un anjo voei ao céu mas longínquo, e como um cometa caí. A queda de machucou, contudo me fez mais forte. Sou falho e impreciso. Simplesmente indefinível, enfim sou apenas humano.